Unidados Contabilidade

Notícias

Fatores econômicos que afetam nossa vida

O presente artigo tem como objetivo transcrever os fatores que afetam nossas vidas financeiras e dificultam a nossa sobrevivência, mostrando fatores intrínsecos e extrínsecos do nosso cotidiano.

“Nossas vidas são afetadas por fatores econômicos ao ponto de nebular o NOSSA inteligência racional e lógica, nos tornando IDIOTAS e marionetes usados pelo sistema, lamentável.” (Elenito Elias da Costa e o genial LEVY DA COSTA).

Introdução

O presente artigo tem como objetivo transcrever os fatores que afetam nossas vidas financeiras e dificultam a nossa sobrevivência, mostrando fatores intrínsecos e extrínsecos do nosso cotidiano.

Como entender que o BRASIL que é um país continental, com riquezas naturais e minerais, terras férteis, aproximadamente com 216 milhões de habitantes, formado por cinco regiões, diversidade ambiental, mas tem uma desigualdade social, econômica, política que agride e afetam a sobrevivência de sua população.

Acreditamos que a elaboração de um P D C A, acompanhado de uma análise S W O T, e identificação dos nossos pontos fracos e fortes, possamos elencar as melhorias de conformidade com nossas condições, possibilitando inibir as nossas dificuldades, mas precisamos inicialmente entender que qualquer que seja a ação haverá também uma reação que depende de nossa EDUCAÇÃO DE QUALIDADE.

ECONOMIA

A economia do globo está em declínio e afetada seriamente diante dos fatos que vivenciamos, desde a primeira CRISE (1929, crack da Bola de Valores), passando pelo tratado de Belltran Woods, escândalo dos títulos imobiliários (subprime), GREAT RESET, SAR’s, Pandemia, conflito bélico e demais crises.

No caso especifico do Brasil, a economia sente ainda mais tais eventos debilitando gravemente os esforços governamentais, gerando desemprego, juros elevados, estagflação, orçamento reduzido, consequentemente há limitados recursos para a Saúde e Educação, e demais reduções orçamentárias nas rubricas públicas, e isso poderá gerar uma GRAVE consequência, podendo resultar em mudanças radicais.

Todos nós estamos cientes das informações provindas do FMI, Banco Mundial, Fórum Econômico Mundial e Agências de Rattings, todas sem exceção, informam que a nossa Economia tá sentindo seriamente tais fatos e eventos, e isso debilita ainda mais a nossa tentativa de melhorar, mas a população está sendo gravemente afetada diante dos evidentes fatos.

É uma Hipótese de Reimann (equação matemática de impossível solução), obter um cenário positivo diante da remuneração em REAL e pagar, consumir mercadorias, produtos e serviços em DÓLAR, ou correspondente, e tal continuísmo agravará as desigualdades sociais, podendo resultar em uma CONVULSÃO SOCIAL, com o aumento da insegurança e violência social.

Em nosso caso especifico, no ano em curso 2022, totalmente eleitoreiro, politicamente curto, os fatos acima elencados depõem contra a reeleição do postulante, já que teve 4(quatro) anos e não demonstrou competência para buscar uma solução que pudesse minorar os agravos sociais que hoje afetam negativamente os empregados e desempregados, pois os MISERÁVEIS e a FOME nos lembram de tais evidências.

Sabemos que fomos afetados por variáveis intrínsecas e extrínsecas, mas diante da grandeza e riquezas que tem o Brasil, ver a mídia informar que o aumento da desigualdade elevou a FOME da população, esse fato cria bolsões de pobreza que podem ser manipuladas facilmente diante da fragilidade da educação oferecida e o desespero poderá acontecer e gerar um movimento que se ganhar força tende a desequilibrar o sistema.

O momento em que passamos deve ser administrado com muita propriedade e serenidade, pois tais momentos são altamente oportunos para qualquer vivaldino se apropriar dessas forças populares e levantar qualquer bandeira, pois quando há desequilíbrio e desigualdade acelerada é impossível prever os futuros acontecimentos.

Lembro a todos que INEXISTE força maior do que uma turba INSANA em busca de sobreviver, portanto, advirto que se não houver um sério combate ao DESEMPREGO, buscando oferecer um labor a essa massa, tal fato poderá causar estragos muito maiores, pois a maior força é a do POVO diante de qualquer outra.

EDUCANDOS E PROFISIONAIS

O Brasil é muito dependente de seus colonizadores e precisa de Capital para sua manutenção, mesmo sendo um país continental com riquezas incontestáveis e terras férteis, mas essa dependência é fruto de anos de grilhões que nos tornam modernos escravos.

Nosso país representa a SOLUÇÃO para o caviar das elites dos USA, Europa e ÁSIA, mesmo com a ameaça de uma NOVA ORDEM, e mesmo que acatem o sistema hibrido (Capitalismo e Socialismo), não haverá mudanças radicais no Brasil, pois somos uma Nação que aceitamos o mínimo, tamanho é a dificuldade para nossa sobrevivência. Simplesmente deixamos acontecer e apertamos o botão de nossa letargia e insensibilidade, por temer proceder à mudança que se exige.

Essa maneira de pensar e agir nos afetou por simplesmente 522 anos, e hoje, mesmo sabendo de nossas potencialidades ainda nos comportamos como débeis e idiotas que não age no momento adequado, pelo simples comodismo de aceitar qualquer doação em nossos pires de pedinte.

Vejamos como exemplo a PETROBRAS é a maior empresa do Brasil onde o Governo Federal tem 51% por cento, e a cada período avaliativo essa empresa remunera seus acionistas com LUCROS EXORBITANTES, e imprime uma política de preços internacionais que assolam e elevam a INFLAÇÃO paga por todos os brasileiros, e achamos isso normal, não há nenhuma reação dessa população a não ser reclamar, mesmo usando espaço das mídias, como se tal ação pudesse inibir o sistema, ledo engano.

Quem é o palhaço que paga pela elevada INFLAÇÃO e pelos elevados JUROS que remuneram o especulador investidor dos títulos públicos?

Quem é o palhaço que recebe em REAL e paga ao consumir mercadorias, produtos e serviços em DÓLAR?

Quem é o palhaço que assisti TUDO isso e fica rindo, como uma Hiena que come substancia fecal e ainda continua rindo?

Quem é o palhaço que os livros de Fiódor M. Dostoievsky intitulados de O IDIOTA, CRIME E CASTIGO, e DEMÔNIOS, se inspirou para escrever esses Best seller?

Quem é o palhaço que pisa em solo rico, mas é um IDIOTA POBRE?

Qual a Nação que vivencia o que Dante Alighieri e Dan Brown, transcreveu em seus Best Sellers (Inferno e O Inferno)?

Quem é o palhaço que não consegue entender os seguintes livros: O PRINCIPE (Nicolau Maquiavel), O DISCURSO DO MÉTODO (Renée Descartes, e ASSIM FALOU ZARASTRUSTRA de F.Nietzche)?

CONCLUSÃO

Pedimos sinceras desculpas ao leitor, caso se sinta afetada pelas palavras inadequadas inseridas no referido artigo, MAS às vezes devemos tocar esse leitor para que reflitam sobre tais eventos e acontecimentos, pois somos uma Nação rica, mas somos pobres e miseráveis, e muitos estão passando fome, diante de tantas riquezas.

Acreditamos que estamos no limite para que possamos proceder à mudança que TODO brasileiro (a) deseja, mesmo que tais mudanças afetem nosso normal, mas esse continuísmo não deve mais acontecer.

Merecemos uma qualidade de vida melhor inclusive a geração futura poderá ser afetada pela nossa inação, pois a busca de um futuro promissor deixa suas sequelas.

Esperamos que o novo GOVERNANTE possa entender o que a base da pirâmide passa nesse momento, e que DEUS nos ajude a trilhar esse NOVO caminho.

AUTORES: Elenito Elias da Costa e o genial LEVY DA COSTA.

Últimas Notícias

  • Empresariais
  • Técnicas
  • Estaduais
  • Artigos
  • Melhores

Agenda Tributária

Período: Julho/2022
D S T Q Q S S
     0102
03040506070809
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31

Cotação Dólar