Unidados Contabilidade

Notícias

Partidas Dobradas: Receita e PF deflagram operação contra assessoria contábil do contrabando

Desde 2018, grupo foi responsável pela emissão de mais de 35.000 notas fiscais, segundo investigações.

Nesta quinta-feira (22), a Receita Federal e a Polícia Federal (PF) deflagraram a Operação Partidas Dobradas, com o objetivo de desarticular um grupo de criminosos especializados no registro de notas fiscais “frias”, composto por contadores, entre outros profissionais.

Além disso, o grupo que fazia assessoria contábil do contrabando também é especializado na criação de empresas “fantasmas” para amparar o transporte e a entrada ilícita de produtos estrangeiros no Brasil.

A partir de 2018, segundo investigações, o grupo foi responsável pela emissão de mais de 35.000 notas fiscais, somando cerca de R$ 200 milhões.

Na prática, a remuneração pela prestação desse serviço era feita de diversas maneiras, dentre elas, o recebimento de um percentual sobre o valor global de cada nota fiscal, que variava de 10% a 25%.

Os documentos fiscais que eram emitidos pelo grupo de criminosos ampararam o transporte irregular em território nacional dos mais diversos produtos, dentre eles:

  • Eletrônicos;
  • Pneus;
  • Agrotóxicos;
  • Cabelo humano;
  • Garrafas;
  • Copos térmicos;
  • Postes de concreto;
  • Cimento.

Vale destacar que muitos desses produtos serviram também para ocultar drogas, armas e mercadorias de maior valor agregado.

Por vez, o transporte desses itens era realizado pelos solicitante ou terceiros, enquanto a receptação era intermediada por assessoria contábil, criando empresas laranjas que eram descartadas e substituídas periodicamente.

Foram apreendidos produtos contrabandeados pelo grupo no Mato Grosso do Sul, Santa Catarina, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, dentre outros estados.

Nesta quinta-feira (22) foram cumpridos um mandado de prisão preventiva e cinco mandados de busca e apreensão nas cidades de Ponta Porã/MS, Dourados/MS e São Paulo/SP, além do bloqueio de bens pertencentes aos envolvidos no crime.

Na operação participaram dez auditores-fiscais, um analista tributário da Receita e 22 policiais federais.

Confira a imagem do esquema da operação:

Receita e PF deflagram operação contra assessoria contábil de contrabando

Com informações da assessoria de comunicação institucional da Receita Federal

Últimas Notícias

  • Empresariais
  • Técnicas
  • Estaduais
  • Artigos
  • Melhores

Agenda Tributária

Cotação Dólar

Indicadores diários

Compra Venda
Dólar Americano/Real Brasileiro 5.2027 5.2036
Euro/Real Brasileiro 5.5563 5.6063
Atualizado em: 21/04/2024 20:30